9 de out de 2014

Uma Estância sem água... E sem turistas - O Caso de Joanópolis-SP - blog A Arte do Turismo e da Hotelariaautor Leonardo Giovane


A Estância Turística de Joanópolis faz parte do Sistema Cantareira, composto por cinco represas interligadas que abastecem cerca de 55% da Região Metropolitana de São Paulo. A represa da estância é formada pelos rios Jaguari, com nascente no Sul de Minas Gerais, e o rio Jacareí, que nasce em Joanópolis (SABESP, 2014). 
Sistema Cantareira- Imagem retirada da Internet
O Sistema Cantareira sempre contou com um bom nível de água e com poucas secas, porém nos últimos quatro anos as chuvas diminuíram drasticamente na região, e com isso a Represa Jaguari e Jacareí começou a secar. 
As causas dessa seca não são relacionadas somente à estiagem, mas sim à falta de planejamento por parte do poder público e da Sabesp, ao assoreamento da represa, à troca de administração e muitos outros fatores
Vista Aérea- Reprodução Pousada Bongaville, 2013 
Em virtude disso, a represa nesse ano está totalmente baixa (com 8,6% de armazenamento, segundo a SABESP). Com o esgotamento da represa, grandes impactos podem ocorrer, como a racionalização de água, perda da biodiversidade, abalo ambiental e muitos outros fatores (JORNAL FOLHA DE SÃO PAULO, 2014). 
Além dos impactos ambientais, esse artigo irá abordar o impacto turístico nas pousadas. Elevada à categoria de Estância há treze anos, Joanópolis não possui um turismo consolidado e não explora plenamente todos os seus recursos naturais, culturais e urbanísticos (JOANÓPOLIS, 2008, p. 5). 
Barcaça desassoreando a represa, para construção de um rio
Porém, as pousadas instaladas procuram usufruir ao máximo de todo recurso disponível, e como todo empreendimento, esperam o retorno financeiro. Há um número considerável de pousadas em Joanópolis, cerca de dezessete, e grande parte delas se encontra no entorno da represa. 
Diferença da descida de barcos em relação a água,
São visíveis as razões que levaram os empreendedores a instalar suas pousadas à margem da represa: a excelente vista, os esportes náuticos, a paz e o sossego, o contato com a natureza, entre outros. Os empreendedores investiram grandes quantias para a construção e divulgação do seu negócio. Como é o caso da Pousada Bongaville, situada na represa, próxima ao Túnel 7, criada em 2004 e com uma nova administração desde 2013. 
Passando atualmente por momentos atribulados, com 90% de queda na ocupação, a Pousada Bongaville foi a última a ficar sem água nos eu entorno, devido a sua proximidade com o Túnel 7, que é a parte mais profunda da represa. 
Vista da Pousada Bongaville, 2013
Vista da Pousada Bongaville, 2014
Para o proprietário, esse momento está sendo muito doloroso e lastimável, por ter arrendado a pousada no final de 2013, sendo que ainda não conseguiu recuperar todo o capital investido, e pelo baixo nível de ocupação. Na realidade a situação atinge todas as pousadas ao redor da represa. Algumas estão sem água a mais de um mês, e com os trabalhos interrompidos por tempo indeterminado. 
Represa vista da Pousada Bongaville
Com essa falta de hóspedes e de turistas, algumas pousadas possuem recursos para se manter por cerca de três meses. Contudo, a problemática das pousadas atinge a situação turística do município, pois a Estância não possua muitos leitos e opções de lazer, e o fechamento dessas pousadas pode acarretar em uma quebra estrondosa no número de turistas e na receita gerada por eles. 
Para solucionar os seus problemas e evitar a falência, os empreendedores têm procurado fomentar ainda mais seus estabelecimentos e procurar outras temáticas de desenvolvimento, com a finalidade de captar novos hóspedes. A maior dificuldade dos empreendedores de Joanópolis é investir em pousadas que estão à margem da falência, isso com poucas políticas públicas de fomentação, que não desenvolvem estratégias para sanar a problemática. 
Tunel 7, Sistema Cantareira
Parando para pensar em todos aqueles que, em algum momento investiram e ajudaram a desenvolver e a consolidar o nome da Estância, nota-se que eles estão sendo violentamente afetados em seus anseios e frustrados pela falta de reciprocidade do poder público. 
Quando um empreendedor investe todas as suas economias e também a sua vida em um negócio, para em seguida ser surpreendido e ter de enfrentar uma situação de calamidade, ele vê, além do seu investimento, toda a sua força de vontade ir embora junto com a água. 
Para finalizar deixo alguns questionamentos que pretendo explanar nos próximos artigos. E agora como fica o turismo joanopolense? E como que ficará a situação dessas pousadas instaladas no município? O que acarretará o fechamento dessas pousadas?
Esse assunto possui uma ampla magnitude e implicações, que agora nos resta discutir de como será o Futuro!
AGRADECIMENTOS
Vista da Pousada Bongaville
Gostaria de agradecer á todos aqueles que promoveram a realização da pesquisa e contribuiram com a formulação do artigo: à estudante Angelica Mirian, ao artista plastico Silvio Alvarez  e ao técnico ambiental Diego Toledo.


Em especial, gostaria de agradecer ao Rafael Vasconcelos, que é o proprietário da pousada Bongaville, que com grande cordialidade e hospitalidade recebeu a nossa equipe e respondeu com riqueza de detalhes a entrevista. 
Meus sinceros agradecimentos à todos!

REFERÊNCIAS

F. DE S. PAULO.  Sem previsão de chuvas, nível do sistema Cantareira volta a cair em São Paulo. Folha de São Paulo. Disponível em Publicado em: 1 de junho de 2014.
JOANÓPOLIS, C. M. da E. T de. Lei orgânica do município de Joanópolis. 4ª ed. Joanópolis: Legislação Complementar, 2008
SABESP. Sistema Cantareira garante abastecimento. Notícias. Disponível em Acesso em: 17 de junho de 2014.
Revista Bragantina On Line

Gostaria de Enfatizar que essa matéria já foi publicada no Jornal Tribuna da Cidade, de Joanópolis,Jornal O Registro e na Revista Bragantina On Line.
Jornal Tribuna da Cidade, Julho de 2014
O Registro
publicado em 17 de junho de 2014 em a artedoturismo.blogspot.com 

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © . ODTUR - Otavio Demasi: Turismo e Políticas Públicas - Posts · Comments
Theme Template by BTDesigner · Powered by Blogger