4 de out de 2015

Florianópolis- SC - cidade-Unesco-da-gastronomia-e-tema-de-audiencia-na-comissao-de-turismo-da-camara-dos-deputados

O Programa Florianópolis Cidade Criativa Unesco de Gastronomia foi o assunto da audiência pública da Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados realizada nesta quarta-feira (30/09), em Brasília. A presidente da Associação FloripAmanhã, Anita Pires apresentou esta iniciativa da capital catarinense a convite da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA), que solicitou o espaço para promover o conhecimento deste pioneiro e inovador Programa, coordenado pela FloripAmanhã, em parceria com a Secretaria Municipal de Turismo e outras entidades públicas e privadas.

Patrícia Braz, Zena Becker, Neusvaldo Lima, deputado Valadares Filho, Anita Pires, Alan Claumann
“Foi muito importante para Florianópolis esta participação na Câmara para ampliar a visibilidade nacional do Programa. Os participantes ficaram impressionados com as ações já realizadas e o que está em andamento, como o Observatório da Gastronomia, uma plataforma digital que está em construção e ficará a disposição da gastronomia não só da nossa cidade mas de todo o país”, analisa Anita Pires.

Anita Pires
Para a secretária de Turismo de Florianópolis, Zena Becker, “valorizar e impulsionar o conhecimento sobre a nossa gastronomia, internacionalmente reconhecida pelo título da Unesco foi um dos objetivos alcançados com a participação neste encontro”. Becker acrescenta que a Secretaria de Turismo está buscando aperfeiçoar a gastronomia local “por meio de parcerias e o concurso gastronômico que realizamos nesta última edição da Fenaostra, por exemplo”.
O Secretário Nacional do Programa de Desenvolvimento do Turismo do Ministério do Turismo (MTur), Neusvaldo Ferreira Lima, enalteceu a iniciativa catarinense e demostrou interesse do Ministério em participar do Observatório da Gastronomia, tendo em vista que o MTur está trabalhando a valorização da gastronomia brasileira, que precisa de pesquisa e inovação para ser um instrumento de qualificação do turismo.
Já o o coordenador dos projetos de turismo do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Santa Catarina (Sebrae/SC), Alan Davi Claumann mostrou a importância das pequenas e micro empresas no setor da gastronomia, o que justifica o apoio do Sebrae ao projeto não só em Santa Catarina, mas nacionalmente, já que a instituição trabalha em diversos projetos na área e o Observatório da Gastronomia deve se tornar uma plataforma para potencializar todas estas iniciativas.
Também participou da audiência na Câmara a a coordenadora de cultura no Brasil da Unesco, Patrícia Reis Braz, que reforçou o apoio da entidade internacional ao Programa e anunciou sua vinda à Florianópolis para participar da construção de um plano de trabalho conjunto para 2016.
O deputado Valadares Filho (PSB-SE), autor do requerimento para a realização da audiência, ressaltou que a gastronomia é um setor que gera desenvolvimento, agrega valor e qualificação ao turismo. “O título de Cidade Criativa UNESCO da Gastronomia confere à Florianópolis visibilidade internacional e tem potencial para incrementar o setor turístico-gastronômico local, contribuindo para o desenvolvimento socioeconômico e cultural da região”, frisou.

Programa Florianópolis Cidade Criativa UNESCO da Gastronomi

A Associação FloripAmanhã realiza a coordenação técnica do Grupo Gestor do Programa, composto também por ABRASEL (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de Santa Catarina), Florianópolis e Região Convention & Visitors Bureau, SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Santa Catarina), Secretaria Municipal de Turismo de Florianópolis, SHRBS (Sindicato de Hotéis Restaurantes Bares e Similares de Florianópolis), Faculdades Estácio, IFSC (Instituto Federal de Santa Catarina), SESC (Serviço Social do Comércio de Santa Catarina), SENAC (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial de Santa Catarina), CEART/UDESC (Centro de Artes da Universidade do Estado de Santa Catarina), UNISUL (Universidade do Sul de Santa Catarina) e FEPESE (Fundação de Estudos e Pesquisas Socieconômicos).
O Programa Florianópolis Cidade Criativa Unesco da Gastronomia conta com a parceria estratégica da FBHA – Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação e apoio institucional da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS).
Além de Florianópolis, a Rede Mundial de Cidades Criativas – Gastronomia é composta pelas cidades de Shunde e ChengDu (China), Tsuruoka (Japão), Popayán (Colômbia), Zahlé (Libano), Jeonju (Coréia do Sul) e Östersund (Suécia).
- See more at: http://floripamanha.org/2015/10/florianopolis-cidade-unesco-da-gastronomia-e-tema-de-audiencia-na-comissao-de-turismo-da-camara-dos-deputados/#sthash.LSPWk5v3.dpuf

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © . ODTUR - Otavio Demasi: Turismo e Políticas Públicas - Posts · Comments
Theme Template by BTDesigner · Powered by Blogger