19 de out de 2016

Jornal diz que escândalo envolve Aécio Neves e Rede Globo

Jornal diz que escândalo envolve Aécio Neves e Rede Globo

escandalo.jpgUm escândalo com força de uma bomba atômica pode cair bem no meio do colo da Rede Globo e do governador Aécio Neves. Segundo matéria publicada pelo NOVO JORNAL, de Minas Gerais, baseada em diversos documentos obtidos junto a fontes oficiais, o governador de Minas Gerais criou, sem autorização da Assembléia Legislativa, a empresa RME – Rio Minas Energia Participações S/A, que foi responsável pelas irregularidades descritas. A RME possui participação de 25% da CEMIG.
O ponto central da matéria diz que a RME adquiriu 75,40% da Light (empresa de energia elétrica do Rio de Janeiro), embora tenha comprado e pago 79,57%. Quem conhece bem de bolsa sabe que este é procedimento muito utilizado por empresas para esconder lucros não contabilizados. Assim, continua o Novo Jornal, “a Rede Globo foi beneficiária de US$ 269 milhões, e teve sua dívida junto a credores americanos quitada: GMAM Investment Founds Trust I, Foundations For Research e WRH Global Securities Pooled Trust”.
(…)
“O que era para não deixar rastro acabou comprometendo toda a operação, pois os credores da REDE GLOBO já tinham ajuizado o pedido de falência em Nova York. Desta forma, o pagamento da dívida teve que ser feito por dentro da contabilidade da GLOBO. A Justiça americana está pedindo explicação sobre a origem do dinheiro utilizado pela GLOBO para pagar o pedido de falência”.
Na política não precisa que os fatos sejam verdades para causar estardalhaço e ferir o inimigo, basta alguém para lançar a pedra no telhado alheio. Se for verdade é um senhor escândalo, digno mesmo de enterrar qualquer pretensão ao cargo de Presidente em 2010 do governador mineiro, Aécio Neves e, ainda, de dar razão à esquerda brasileira que ataca a mídia tradicional.
Vamos esperar o desenrolar dos fatos, até porque só existe uma versão publicada. De concreto mesmo fica apenas a certeza: começou a corrida para 2010. Para ler a matéria do Novo Jornal, clique aqui

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © . ODTUR - Otavio Demasi: Turismo e Políticas Públicas - Posts · Comments
Theme Template by BTDesigner · Powered by Blogger