19 de out de 2016

Rio Branco AC- sedia II Conferência Mundial da Ayahuasca

Rio Branco sedia II Conferência Mundial da AyahuascaImage result for II Encontro Mundial da ayahuasca rio branco ac

15.10.201612:00Por Márcia Moreira
Tags:Conferência Ayahuascario brancoufac
119
(Imagem: Divulgação)
A II Conferência Mundial da Ayahuasca será realizada na Universidade Federal do Acre (Imagem: Divulgação)
Um grande encontro com a comunidade internacional interessada nas práticas ayahuasqueiras. Esse é o objetivo da II Conferência Mundial da Ayahuasca, que será realizada em Rio Branco entre os dias 17 e 22, na Universidade Federal do Acre (Ufac).
Ao todo, mais de 60 participantes convidados de todo o mundo compartilharão seus conhecimentos, lições e aprendizados sobre o assunto. Além disso, dentro da programação, haverá mesas redondas, palestras, exibições e premiações de materiais audiovisuais, entre outros.
O evento terá, ainda, a representação de cem integrantes de diversos povos indígenas, tais como os Ashaninka, Huni Kuin, Apolima, Kuntanawa, Yawanawá e Shanenawá, entre muitos outros.
A Câmara Temática de Culturas Ayahuasqueiras de Rio Branco também estará presente na conferência. Na oportunidade, serão promovidas três mesas de debate, nas quais os representantes mostrarão sua história, discussões, temas de interesse e realizações durante os dez anos de existência.
Para participar, basta se inscrever nos site do evento.

Sobre a Conferência da Ayahuasca

A primeira Conferência Mundial da Ayahuasca foi realizada em Ibiza, na Espanha, e recebeu cerca de 600 participantes, entre cientistas, psicólogos, antropólogos e advogados de todo o mundo.
Deste encontro, nasceu a Ayahuasca Defense Fund (Fundo de Defesa da Ayahuasca). Além disso, a Unesco passou a apoiar a causa, e abriu o Iceers, que é uma linha de trabalho na qual busca o reconhecimento das práticas culturais tradicionais relacionadas a ayahuasca.
Em carta, o coordenador do evento, Òscar Parés, destaca que acredita que este momento de reconhecimento das práticas ayahuasqueiras é crucial para assegurar a preservação e colocar em foco as injustiças sofridas pela ayahuasca, derivadas de um sistema de controle de drogas internacional e pontual em cada país.
“Para continuarmos pensando sobre o tema e expandi-lo, buscaremos neste segundo encontro trazer para o debate a diversidade das práticas ayahuasqueiras”, complementa.
A conferência conta com apoio do governo do Estado, por meio da, Secretaria de Turismo e Lazer (Setul), Secretaria de Comunicação (Secom), Fundação Elias Mansour (FEM), Universidade Federal do Acre (Ufac) e gabinete do senador Jorge Viana.
fonte e ilustração- Governo do Estado do Acre

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © . ODTUR - Otavio Demasi: Turismo e Políticas Públicas - Posts · Comments
Theme Template by BTDesigner · Powered by Blogger