24 de nov de 2016

'Petrobras está sendo esquartejada', diz presidente do Clube de Engenharia do Rio. Editor - MOBILIZAÇÃO NACIONAL PELA DEMOCRACIA. MOBOLIZAÇAO NACIONAL CONTRA O ENTREGUISMO. SÓ COM O POVO NA RUA EM MASSA, ACABAREMOS COM ESSE GOLPE QUE ENVERGONHA E LAMBUZA A IMAGEM DO BRASIL. MOBILIZAR É PRECISO E URGENTE.


TRAMA

'Petrobras está sendo esquartejada', diz presidente do Clube de Engenharia do Rio

Engenheiros e especialistas concluíram que os ataques à estatal atendem a interesses estrangeiros e visam à privatização
por Redação RBA publicado 24/11/2016 13:30, última modificação 24/11/2016 13:36
REPRODUÇÃO/TVT
petrobras
Orgulho nacional em risco: 'Foram brasileiros descobrindo, no Brasil, grandes reservas de petróleo'
São Paulo – "A proposta desse governo é de privatizar o que for possível na bacia das almas, jogando fora o esforço de pelo menos 60 anos de construção nacional. A Petrobras é um orgulho do povo brasileiro, símbolo da capacidade realizadora do nosso povo. Ela está sendo esquartejadas." A declaração é de Pedro Celestino, presidente do Clube de Engenharia do Rio de Janeiro, que no início de novembro promoveu uma série de palestras para denunciar o desmonte da maior empresa estatal do país, sob comando do presidente Michel Temer (PMDB).
Engenheiros e especialistas reunidos concluíram que os ataques promovidos contra a Petrobras, por conta de denúncias de corrupção investigadas pela Operação Lava Jato, atende à estratégia de enfraquecimento com vistas à privatização, satisfazendo interesses estrangeiros.
"Estamos na luta. Quem descobriu o pré-sal foi a Petrobras. Foram brasileiros descobrindo, no Brasil, grandes reservas de petróleo", diz o geólogo Guilherme Estrella, ex-diretor da estatal, que teve papel fundamental na descoberta das novas reservas.
Em entrevista à repórter Marina Vianna, para o Seu Jornal, da TVT, ele também aponta responsabilidade de setores da mídia tradicional na campanha de enfraquecimento da Petrobras e chama a atenção para uma contradição. "A imprensa constrói uma imagem negativa junto ao público. Agora, desde o momento que há o golpe e o pessoal apoiado por essa imprensa assume, a Petrobras passa a ser lucrativa, como se fosse uma ação deles", afirma.
"Ninguém pode ser contra o combate à corrupção. O que nós somos contra é, a pretexto de se combater a corrupção, destruir não só a Petrobras, como as empresas privadas de engenharia, porque as empresas privadas e a própria Petrobras são responsáveis por centenas de milhares de emprego", ressalta o presidente do Clube de Engenharia.

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © . ODTUR - Otavio Demasi: Turismo e Políticas Públicas - Posts · Comments
Theme Template by BTDesigner · Powered by Blogger