10 de jul de 2015

Programa de desenvolvimento da aviação regional vai democratizar o transporte aéreo


INVESTIMENTOS

Publicação da Secretaria de Aviação traz detalhes sobre o programa, que pretende permitir que 96% da população esteja a 100 km de um aeroporto com voo regular
Elio Sales/SAC-PR
Democratizar o transporte aéreo no Brasil e promover o desenvolvimento nacional com a integração entre todas as regiões. De olho nisso, o governo federal lançou, em dezembro de 2012, o Programa de Aviação Regional, que já se encontra em estágio avançado.
A meta da primeira fase do Programa é ampliar, reformar ou construir 270 aeroportos regionais. Os projetos de 229 aeroportos já estão em elaboração. O objetivo é 96% da população brasileira esteja a, pelo menos, 100 km de um aeroporto de qualidade que receba voos regulares a preços competitivos.
Com base nessa premissa, o ministro da Aviação, Eliseu Padilha, ao assumir a pasta, colocou como prioridade absoluta o desenvolvimento do programa. “O desenvolvimento econômico brasileiro interiorizou-se. Agora vamos interiorizar o indispensável transporte aéreo”, afirmou.
O Programa, portanto, visa a disponibilização de voos regulares de qualidade e competitivos. As atividades econômicas poderão ser intensificadas, inclusive para o incremento do turismo com foco nos recursos naturais.
A Secretaria de Aviação organizou uma publicação que traz os detalhes do programa, desde os motivos que levaram a sua criação, contextualizando com a necessidade de desenvolvimento econômico do interior, até a padronização da arquitetura dos terminais, bem como os tipos de aeronaves do projeto. A publicação está disponível para download. Para ter acesso, clique aqui.
Assessoria de Imprensa
Secretaria de Aviação Civil
Telefone: (61) 3311.7376
E-mail: imprensa@aviacaocivil.gov.br
Share:

0 comentários:

Postar um comentário